Image1

Osteoartrite nos Joelhos (Artrose nos Joelhos)

Aqueles que sofrem de artrose no joelho podem perder a agilidade, resultante dos sintomas da doença, ou seja, dores, fraqueza e dificuldade física. Estes pacientes tendem, também, a sofrer de hipertensão, diabetes, obesidade e doenças cardiovasculares. Porém, este quadro tem como ser revertido através de exercícios, que podem causar a diminuição das dores e aumentam a qualidade de vida do paciente. O importante é o paciente praticar exercícios de forma contínua, que ajuda na produção de glicosoaminoglicanas na cartilagem, substância esta que é um indicador fundamental da propriedade viscoelástica.
Muitos pacientes vivem de forma restrita e sofrem constantemente com dores. A visita ao médico é de extrema importância para o acompanhamento clínico e medicamentoso adequado e personalizado; mas, em contra-partida, as consultas não podem se restringir a prescrição de medicamentos: o médico deve indicar e estimular o paciente a praticar exercícios, como aqueles dentro da água – hidroterapia -, caminhadas, bicicleta e até mesmo musculação. Tudo, porém, deverá ser analisado sempre caso a caso e após a avaliação e a orientação do médico reumatologista, ortopedista ou fisiatra.
Além de medicar e acompanhar o desenvolvimento do paciente, o médico deve orientar o paciente a encontrar o melhor caminho: o da atividade física.
1) informar ao paciente da importância e da necessidade de se exercitar;
2) motivá-lo, formulando um simples programa de exercício, que o paciente possa realizar sozinho e no momento que seja possível;
3) orientar a melhor forma de fisioterapia para o seu caso, podendo ser analgésica, preventiva ou de melhora da qualidade muscular.
Segundo um estudo feito nos Estados Unidos, com reumatologistas e pacientes com artrite reumatóide, aqueles que foram orientados a seguir um programa de exercícios por seu médico acabaram praticando a atividade física contínua e obtiveram algum tipo de melhora. No caso da artrose no joelho, o médico deve sempre conversar com o paciente sobre a necessidade e os benefícios do exercício.

Fonte: Sociedade Brasileira de Reumatologia

Contatos

Brasilia Medical Center -  (61) 4141-1321 - 98671-0113 - 99582-3557 - 99835-1214 Leia Mais